Estamos começando!

Demos os primeiros passos para colocar este espaço de discussão em 2002. A eleição de um presidente de origem popular gerou expectativas nem sempre alicerçadas em análise crítica da realidade. Até hoje são mais comuns os enganos e desenganos do que uma interpretação correta da realidade. Com a edição deste espaço na web,  Conjuntura 2005, que pretendemos seja permanente, esperamos contribuir para o debate necessário.
Estão convocados para colaborar todos os que acreditam que ainda é possível realizar o sonho de um Brasil soberano, independente, solidário, um país de pleno emprego e culturalmente desenvolvido.
 

Leia nesta edição textos de:
Hilda Fadiga
Paula Beiguelman
Luís Toledo Machado

Paulo Cannabrava Filho
Fernando Jorge